terça-feira, 28 de abril de 2015

Preconceito

Eu acho que todos nós sabemos o que é o preconceito e acho que todos nós sofremos um pouco com ele. Ou porque somos mais gordinhos, ou porque somos de outra raça, ou porque temos alguma incapacidade física, por gostar de pessoas do mesmo sexo, tudo serve para sermos julgados.
Muito sinceramente, eu acho uma grande parvoíce que no século 21 isto ainda se veja. Só mostra que a nossa população não evoluiu assim tanto como às vezes nos dão a entender. Todos nós somos diferentes, cada tem características diferentes, se assim é, qual é a necessidade de gozar com isso? Não foi opção de nenhum de nós ser como é agora, foi algo que aconteceu e vamos ter que aceitar.
Que graça teria se fossemos todos iguais? Seria quase como estarmos rodeados de espelhos.
E isto do preconceito já chegou ao nível de termos que nos vestir de acordo um certo estereotipo, para sermos aceites onde quer que seja. Isso é ridículo. Se não quiseres vestir a mesma blusa que todas as outras pessoas têm, não o faças. Se não queres usar maquilhagem como todas as outras raparigas, não o faças. Se não quiseres usar aqueles chapéus, os "caps", não o faças. Se as pessoas não te aceitarem como és, é porque simplesmente, não merecem a tua amizade.
Nunca vou entender o porquê da sociedade ter estipulado um estereotipo de pessoa perfeita e basicamente afastar todas as pessoas que não estiverem dentro desse estereotipo. Porque é que temos que ser todos iguais? Porque que é que deveríamos ser todos altos, loiros, magros, olhos azuis e mais sei lá o que que as pessoas hoje em dia exijem. Eles exijem muita coisa, mas não nos têm que exijir nada, pois cada um é como é e não é esta sociedade, com esta lógica da treta, que vai mudar isso.

Não se incomodem com os comentários que fazem sobre vocês, apenas ignorem. 
Não deixem que a sociedade vos mande a baixo, sejam fortes e continuem a lutar!

sábado, 25 de abril de 2015

Amigos

Hoje venho falar de uma coisa mais séria e delicada. Hoje venho falar de amizade, que para mim era algo que eu pensava que nunca iria receber  de ninguém. Foi uma  fase da minha vida que nunca falei com ninguém, nem mesmo os meus pais sabem que eu passei por isto, mas hoje decidi partilhar convosco e, quem sabe, ajudar alguns de vocês que estão na mesma situação, mesmo que o meu blog ainda seja muito pequeno, eu gostava de chegar a alguém e poder ajudar alguém.
Até há bem pouco tempo tinha um problema em que eu pensava que amigos era algo que eu não tinha, eu apenas tinha pessoas que andavam comigo apenas, porque eram quase que obrigadas a isso.Este pensamento assombrava-me. Era horrível olhar para as pessoas que me rodeavam e pensar, 'Eles não me querem aqui'. Eu pensava nisso, sonhava com isso e chorava por isso, por alguma razão eu desenvolvi este pensamento e assombro-me durante anos.
Eu penso que esta 'assombração' tenha sido derivada a vários problemas que tive com quem eu pensava que eram mesmos meus amigos e, no final, desiludi-me. Isso afetou-me tanto que comecei a pensar que todos faziam o mesmo, que estavam comigo, mas que odiavam, que queriam que eu desaparecesse... E andei assim durante alguns anos. Eu era mesmo muito nova e acho que, ser tão nova e já pensar daquela maneira, é mesmo horrível. Eu não sabia o que fazer, em quem confiar, o que dizer, para onde ir. Estava perdida no meio daquela gente a quem eu chamava "colegas de turma e nada mais".
Mas recentemente, eu apercebi-me do contrário. Eu olhei à minha volta, raciocinei e conjuguei várias memórias até me aperceber que, eu tenho amigos. Amigos a sério que se preocupam tanto comigo, como eu com eles. Falam comigo diariamente, sempre com um sorriso na cara, brincam comigo, mandam-me mensagens quando estou 20 minutos atrasada para as aulas para saberem onde estou, querem que eu esteja com eles, abraçam-me, falam comigo sobre os seus problemas, sentem saudades minhas, confiam em mim. E assim apercebi-me que, na realidade, tenho amigos. Tenho pessoas que realmente se preocupam comigo e o meu bem estar, assim como eu me preocupo com eles e é o meu sentimento do mundo.

Eu estaria a mentir neste momento se dissesse que não estou a chorar, mas na verdade estou e é de felicidade. E o que eu quero é que, se vocês estiverem a passar por algo idêntico, por favor, olhem à vossa volta, pensem em tudo o que já passaram com as pessoas que estão sempre contigo, pensa em todas as pequenas coisas e vais ver que tu tens amigos, mesmo sendo elas as pessoas mais improváveis, elas estão lá para ti. Tu apenas não as vês, porque estás afundada num mar de pensamentos obscuros e horríveis, mas liberta-te deles! Eu sei que é difícil, mas tu és mesmo capaz de o fazer, apenas confia não só em ti, mas nas pessoas que te acompanham.

quarta-feira, 22 de abril de 2015

"E se...?"

Se são adolescentes como eu, devem conhecer aquela situação do "E se...?". Aquela situação, em que se questionam tanto sobre alguma coisa, que chegam ao ponto de não viverem a vossa vida de tanto pensar. "E se não resultar?" "E se me humilharem?" "E se eu não conseguir?"
Eu perdi a conta de quantas vezes eu quis fazer algo, mas depois de tanto pensar acabei por não o fazer, porque ganhei medo. Tive medo de arriscar e hoje estou arrependida de muitas coisas que não fiz, tenho pena das oportunidades que perdi e arrependo-me de não ter agido espontâneamente. E sei que muitos de nós fazem exatamente o mesmo! Pensam tanto sobre algo, que acabam por simplesmente deixar alguma oportunidade fugir. 
A vida deve ser vivida espontâneamente. A vida não é algo que tenha um guião. A vida é um livro que escrevemos todos os dias e queremos que este livro seja entusiasmante e que vale a pena.  Eu tenho a noção que tanto eu, como muitas outras milhares de pessoas não têm uma vida mais emocionante, simplesmente por ganharem medo de fazer alguma coisa, porque pensaram demasiado no assunto.
A Filosofia diz que todas as nossas ações e escolhas devem ser pensadas, elegidas conscientemente e com a noção de todas as consequências. E as pessoas levam isto demasiado a sério. Esta teoria, por vezes, parece ridícula! Que graça tem ter a vida toda planeada, sem algo espontâneo, sem fazer algo que nunca pensariam que conseguiriam fazer?
Não pensem tanto nas coisas, apenas façam-no! Sejam vocês mesmos sem estar sempre a pensar se não corre bem, ou se alguém vos vai julgar. Querem exprimir o vosso amor a alguém, mas pensam que vão levar uma nega? Apenas façam-no! Querem levar alguma peça de roupa para a escola, mas têm medo que vos julguem? Apenas façam-no! Querem fazer algo radical e que nunca fizeram, mas têm medo que algo corra mal? Apenas façam-no!
Não pensem tanto no que pode ou não acontecer. Vivam a vossa vida, porque só vão ter uma oportunidade para a viver! Arrisquem, vivam espontâneamente, e, acima de tudo, não dêem atenção às pessoas que vos julgam, porque é impossível satisfazer toda a gente e, além disso, o que fazes ou deixas de fazer não é do interesse delas!


Espero que vos tenha ajudado de alguma maneira e lembrem-se: "Quem não arrisca, não petisca."

terça-feira, 21 de abril de 2015

Review| 3 produtos de supermercado

Olá pessoas! Hoje trouxe-vos uma review de 3 produtos que comprem recentemente, tanto de maquilhagem, como de limpeza e tratamento de pele. 



Começando com um creme da Clearasil. Este é um creme mais carinho, visto o tamanho da bisnaga, penso que foi 8,99€, mas a verdade é que ele resulta. Pode até não fazer efeito em 4 horas, como diz na embalagem, mas a verdade é que tenho-o à pouco mais de uma semana e noto grandes diferenças! A primavera é sempre aquela estação em que me aparecem montes de borbulhas e essa fase já estava a começar, sabia que iria precisar de um creme bom para isto. Decidi arriscar com este e adorei! Ele é mesmo para pôr apenas nas borbulhas e sinto que nesses locais da cara, depois de meter este creme, ficam bastante refrescantes. Admito que durante os primeiros 3/4 dias pensava que o creme não tinha valido o dinheiro, mas depois, do nada as minhas borbulhas quase desapareceram! Vocês têm mesmo que experimentar este produto! Mas uma coisa é verdade, ele é uma bisnaga mesmo muito pequena, mas como tem que se usar tanto de manhã como à noite, ele não me deve durar muito mais,,



Agora vou passar para um produto, que se vocês costumam ver vídeos das nossas youtubers portuguesas, já ouviram falar nisto de certeza! Ele é a água micelar da Garnier que serve para desmaquilhar, limpar e tonificar. Eu fiquei muito curiosa com este produto quando reparei que estava em todo o lado e como estava a precisar de um desmaquilhante, arrisquei! Sendo muito sincera, não me lembro do preço, mas sei que até era bastante acessível, visto o grande tamanho da embalagem. Ele faz muito bem o trabalho de tirar a maquilhagem, trabalha mesmo muito rápido nesse aspeto.  Recomendo este produto a meninas que tenham a pele oleosa como a minha, pois este produto deixa a cara bem sequinha e tonificada!



Em seguida, o último produto é a máscara de pestanas 'Rocket' explosão de pestanas da Maybeline. Já devem estar fartas de ver este produto no meu blog, mas eu queria mesmo fazer uma review dele. E devo já dizer que é a minha máscara de pestanas favorita do momento! Ela é perfeita para o dia a dia, ela seca bastante rápido e deixa as pestanas longas e bonitas! Eu gosto mesmo muito dela e recomendo-a mesmo muito! Não se vão arrepender! Ela foi, se não me engano 9,99€ no Continente, aliás todos os produtos listados foram comprados no Continente!


Espero ter-vos ajudado e digam-me nos comentários se vão experimentar alguns destes produtos ou se já os têm e recomendem-me novos produtos para eu experimentar e fazer uma review deles aqui no blog.
Até à próxima!





sexta-feira, 17 de abril de 2015

Spring Haul!

Olá pessoas! Hoje trago-vos um haul! Neste haul vou-vos mostrar as minhas compras para esta primavera, claro que ainda devo comprar mais coisas, mas o essencial, está aqui. Espero que se sintam inspiradas para esta Primavera depois deste post!



Começando pela maquilhagem, apenas comprei dois produtos.Um deles já é cobiçado há muito por mim. A máscara de pestanas da Maybeline 'Rocket' explosão de pestanas, por 9.99€ no Continente. Ela é ainda melhor do que eu estava à espera. É perfeita para o dia a dia e muito brevemente vai haver uma review dela aqui no blog em conjunto com outros três produtos. Estejam atentas!


O próximo e último produto de maquilhagem é o Glassy Lipgloss na cor 03 da KIKO, ele custou 5,90€. Este lipgloss é de uma nova coleção deles e estou mesmo adorar este lipgloss! Ele é num rosa/coral que fica muito natural nos lábios e depois tem uns brilhantes dourados que deixam os lábios muito bonitos depois de secar e, para além disso, tem um cheiro muito guloso! 
Eu acho que há cerca de quatro cores diferentes nesta coleção, e aconselho-vos mesmo a irem buscar um, porque as cores são mesmo primaverais e super bonitos. Estava lá um vermelho, que acho que ainda o vou lá buscar, haha!



Passando agora para a roupa, na Bershka comprei uma espécie de blusa, mas que é demasiado comprida para ser considerada blusa, mas que é muito pequena para ser considerada vestido. Provavelmente vocês não estão a perceber, portanto fiquem pelas imagens em baixo.
Ela é às riscas brancas e pretas, e por ser muito curta, normalmente combino-a com umas leggings, mas também a podem conjugar com calças (como na imagem). O tecido dela é muito fresco e leve, e é isso que a faz mesmo perfeita para esta estação. Ela foi 12,99€ na Bershka.



Ainda na Bershka comprei umas 'jeggings' de cintura subida, numa cor que não sei bem descrever. Elas são vermelhas, mas não são bem vermelhas. É um vermelho mais aclarado, talvez até lhe possa chamar um coral, mas é mais claro do que isso! Não sei explicar, só sei que esta cor me atraiu mesmo muito quando estava na loja. Ainda não as usei, portanto não vos sei dizer se são ou não confortáveis, mas hão-de de ouvir mais notícias delas. Elas custaram 12,99€!



A última coisa que comprem na Bershka foi uma mala. Eu andava já à procura de uma mala grande e preta há muito tempo, para poder levar para a escola e para passear. Eu vi uma ainda durante os saldos no início do ano, muito idêntica a esta e na mesma loja, mas queria que ela baixasse o preço. Esperei tanto tempo que, quando fui a ver já não havia nenhuma em lado algum! Fiquei muito chateada, mas depois apareceu esta, que provavelmente, é o 'remade' da outra que eu queria. Quando a vi, não pensei duas vezes e trouxe-a! (Digam-me que não é só a mim que isto está sempre a a acontecer!)
Mas bem, a mala é da Bershka, ela é preta, tem IMENSO espaço e estou a adorá-la! Conjugasse muito facilmente e com praticamente tudo. Dentro da bolsa principal tem ainda tem outro fecho e duas bolsinhas para o telemóvel e assim, e ainda tem uma bolsa na frente da mala. Foram, oficialmente, os 20,00€ mais bem gastos da minha vida. E recebi muitos elogios por ela!



Passando para a Pull&Bear, apenas comprei uma coisa nesta loja. Uma t-shirt que é branca em cima e tem a frase "My boy is" estampado a preto e na parte de baixo é preta e tem estampado "out of town" a letras brancas. Vou ser sincera, na loja eu não a experimentei, porque era apenas uma t-shirt, portanto apenas agarrei no meu número e fui pagá-la e agora que já a experimentei, ela é um pouco curta. Não curta o suficiente para ser croptop, mas é, de facto, um pouco mais curta do que eu pensava, mas não quer dizer que não lhe vá dar uso, porque vou mesmo! Ela custou 5,99€.



Na H&M eu comprei umas calças de ganga escura. Esta compra na verdade não foi pensada na Primavera, mas sim pensada porque este essencial não estava no meu armário desde que as que eu tinha se rasgaram e como hoje em dia fica mais barato comprar umas calças novas do que mandar à costureira, foi isso mesmo que fiz. E eu aconselho mesmo irem lá ver destas calças, porque está a ver uma promoção na loja onde se comprarem dois pares de calças pagam 7,99€ e se comprarem apenas um par fica a 9,99€. Havia calças de ganga escura, ganga clara e ganga preta. Como é óbvio, peguei nas de ganga escura e gostei mesmo muito das de ganga clara, mas quando fui a ver, não havia o meu número. Não quis comprar as pretas, porque já tenho um par de calças pretas, portanto foi mesmo uma pena não ter aproveitado a promoção como deve de ser! E, além disso, as calças são super confortáveis!



Eu não sei já viram ou ouviram falar naqueles sapatos que são tipo sapatilha, sem atacador nem nada, apenas com um pouco de elástico nos lados para ser mais fácil de calçar, mas se não, vão vê-los agora. Eu vi uns sapatos destes na Bershka a 20,00€ mesmo muito giros, pretos, mas não havia o meu número e quando passei pela New Yorker vi estes a apenas 5,00€, que mesmo não sendo tão giros quanto as da Bershka, por 15,00€ a menos vale a pena! Sinceramente, achei que a sola deles fosse ser daquelas que se sentia cada pedrinha da calçada, mas não! Eles são muito mais confortáveis do que aparentam! Aproveitem, porque por 5,00€ vale a pena, para além disso, são super fáceis de calçar, muito práticos e combinam com basicamente tudo!
E aconselho-vos a passarem pela New Yorker, visto que estão a dar cupões de 20% de desconto em compras superiores a 25€!



A última coisa que comprei foi um set de colares na Claire's. Ele é mesmo muito bonito. Ele é dourado e no primeiro fio tem uma argolinha muito simples, no segundo uma pena e no último tem um caça sonhos com uma pedrinha azul no meio. Foi mesmo o último que mo fez comprar, eu adoro-o mesmo! 
E recomendo passarem mesmo pela Claire's, pois estão a oferecer cupões de desconto!



Bem, estas foram todas as compras que fiz este mês passado e também neste mês. Digam-me qual foi o vosso item favorito e se fizeram também alguma compra que gostaram mesmo muito ultimamente! E desculpem se algumas das imagens estão mais nítidas e outras meio amareladas, mas o tempo aqui está um pouco nublado e estranho!
Até à próxima!

terça-feira, 14 de abril de 2015

Underwater

Era um daqueles dias de Inverno em que eu tinha acabado de chegar da escola. A minha mãe saíu da casa de banho com um sorriso e perguntou-me o que eu achava da ideia de tomar um banho bem quente. Achei boa ideia, o frio da rua tinha tornado o meu corpo num cubo de gelo humano e o meu nariz não parava de pingar. Não demorou muito até mergulhar na água quente e deixar um suspiro de alívio correr pela minha garganta fora.
Comecei então a pensar no meu dia. As aulas tinham sido uma seca e o número de trabalhos de casa de geografia A para a próxima semana eram absurdos. Do lado de lá da porta fechada da casa de banho oiço os gritos dos meus pais. Mais uma discussão sobre algo completamente ordinário.  Mergulhei a cabeça na água junto com as preocupações na tentativa abafar as suas vozes. Deixei que os meus músculos relaxassem por alguns segundos.  As vozes deles soavam como marteladas nas paredes da banheira. Deixei o ar que armazenei dos meus pulmões saísse e várias bolhinhas se formaram até explodirem ao chegarem à superfície da água. Pensei em várias coisas ao mesmo tempo.
Nas amizades que perdi com o começo do secundário, no quão as pessoas que pareciam novos amigos se tornaram em autênticos emplastros na minha vida, no quão me incomoda o facto de parecer que aquele rapaz da turma parecer odiar-me, e, pelo contrário outro rapaz, um total cromo, gostar talvez demasiado de mim, em toda a matéria que ainda que vou ter que rever, na relação entre os meus pais e na tensão que se sente nesta casa.
A esta altura as vozes dos meus país já não eram ouvidas por mim. Sinto o meu coração a bater demasiado rápido e uma certa pressão nos meus pulmões. Não vou mentir que, durante apenas alguns segundos, pensei em permanecer ali. Caminhar pela rua mais plana e deixar todas as responsabilidades para trás, não ter que me preocupar com a possibilidade de magoar alguém com as minhas palavras, não ter que pensar na minha longa lista de coisas a fazer, nem ter que decorar todos os conceitos de Filosofia. Por momentos fui egoísta, pensei no que era bom para mim e não bom para os outros. Por momentos pensei em quão fantástico seria não ter que lidar com as pessoas revoltadas e vulgares que governam este mundo.

Mas isto não passaram de meros segundos. Não demorou muito para voltar à superfície e respirar o ar húmido e quente que me rodeava. Voltar à realidade, por vezes, dura realidade. À minha dura realidade.

domingo, 12 de abril de 2015

Get Ready With Me: Spring Day

Olá pessoas! Como já todos sabemos, a Primavera chegou à uma ou duas semanas, mas o tempo não tem estado grande coisa nesta última semana, pelo menos para mim que vivo na margem sul. Mas ao que parece o tempo vai melhorar e eu pensei, porque não fazer um GRWM para estes dias quentes que se aproximam? Por isso é isso mesmo que vou fazer! Espero que gostem!



Começando pelo cabelo, uma ideia é alisarem o cabelo. Isto é uma novidade para mim, visto que comprem o prancha há pouco tempo e apenas o alisei duas ou três vezes e gostei mesmo muito e é algo que provavelmente venha a fazer muito durante esta Primavera. Claro que antes de alisar, há que proteger o nosso cabelo e então eu uso este Spray Protetor de Calor da Syoss. Eu ainda não tenho grande opinião sobre ele a não ser que o chão à vossa volta vai ficar super pegajoso depois de usarem isto. Não sei se é algo normal neste tipo de produtos, mas de facto, isso acontece, mas para além disso acho que ele faz o trabalho dele e o cabelo fica mesmo muito bonito e brilhante. Recebi muitos elogios à conta dele!



Passando à maquilhagem, eu recomendo mesmo a começarem por pôr um primer, para a vossa maquilhagem não derreter com o calor. Eu não usei, nem tenho nenhum e por isso queria pedir-vos uma recomendação. Digam-me que primer usam ou qual o vosso preferido, estou a precisar de um urgentemente! 
Comecei então pôr corrigir as minhas borbulhas e olheiras com o meu Full Coverage Concealer da KIKO na cor 03.
 Nos olhos usei uma sombra bastante shimer da KIKO no canto interno do olho na cor 139 e depois apliquei uma sombra castanha clara matte da minha palete da Douglas por toda a pálpebra móvel. Usei o Smart Eye Pencil da KIKO na cor 815 para fazer o delineado bem junto às pestanas, atenção que este lápis não é daqueles mesmo pretos, o que me desiludiu na primeira vez que o usei, mas serve. E para terminar, a máscara de pestanas, 'Rocket', Explosão de Pestanas da Maybeline. Eu era para ter tirado foto aos olhos para vocês terem noção de como a maquilhagem, mas o delineado não ficou como eu queria e optei por fazer isso na próxima vez.
Apliquei depois o Mosaic Blush 02 New Sand Rose também da KIKO, que acaba por ser um rosinha mesmo muito suave e bonito.
Para terminar toda a maquilhagem, usei o Glassy Lipgloss da KIKO na cor 03, que é mesmo uma das cores de Primavera que a loja disponibiliza. Ele tem uns brilhos dourados, o que deixa os lábios muito bonitos depois de secar.



Agora o outfit. Nas fotos estou a usar uma blusa mais comprida que chega a ser quase um vestido, mas que é demasiado curto para ser considerado vestido, não sei se me percebem, mas é basicamente isso. Ela é da Bershka, tem riscas pretas e brancas e as mangas são de três quartos (acho que é assim que se diz), ele chega-me nem a meio da coxa, por isso é que estou a usar umas leggings pretas. Talvez ela também seja mais curta do que eu pensava, porque a comprei no número abaixo do meu, pois o M ficava muito largo, mas pronto agora também depende do estilo de cada um.
Combinei esta blusa com os meus botins da Seaside, também pretas e um set de colares da Claire's. Ele é todo em dourado, o primeiro colar deste set é apenas uma argolinha normal, o segundo é uma pena e o terceiro é um caça sonhos que tem uma pedrinha no meio azulada ou esverdeada.







Penso que é tudo. Não liguem ao facto de o meu cabelo não estar completamente liso, como supostamente deveria estar, mas neste dia decidi não alisar o cabelo. Espero que gostem deste tipo de posts e digam-me se querem mais Get Ready With Me! 
Até à próxima!

quinta-feira, 2 de abril de 2015

DIY Room Decor |Primavera 2015

Olá pessoas! Eu passei o meu fim de semana a fazer DIY's  e achei engraçado em meter aqui passo a passo os dois DIY's que estive a fazer. Um é bastante simples e é feito em menos de dez minutos, enquanto que para o outro é preciso um pouco mais de trabalho e paciência, mas vale bem a pena, para além de ser perfeito para adaptar o vosso quarto à Primavera e para ficar mais colorido.



Vou começar por explicar o mais trabalhoso: 1- O material que vão precisar é, dois vasos de barro,ou o número que quiserem,(AKI), um píncel (Continente), tintas de cerâmica (De Borla), areia (De Borla), e flores falsas (Hiper China). 2- Agora é a parte gira, pintar os vasos. Eu escolhi as cores branco e vermelho, porque são as que melhor combinam com o meu quarto. E aconselho-vos a seguir as instruções que vêm nas tintas, por exemplo, nos frasquinhos dizia para limpar a superfície que se vai pintar com álcool. E provavelmente os vasos vão precisar de uma segunda camada de tinta, portanto depois de os pintar, deixei-os secar durante 1 hora e depois voltei a pintá-los, para os deixar secar durante a noite. 3- No dia seguinte basta encher os vasos com a areia, eu usei uma embalagem de 750g e foi mesmo à conta. 4- E cortar as flores, do tamanho que preferirem, com a ajuda de um alicate e depois 'enterrá-las' na areia. 5- E o resultado final será algo como na imagem.
Eu achei este DIY super adorável e deu mesmo uma cor ao meu quarto e é ótimo para dar as boas vindas à Primavera!
(P.S.: Quando pintarem os vasos, pintem debaixo para cima, senão vão ficar com as mãos como eu fiquei, todas pintadas, haha)



Agora, um DIY mesmo muito simples, mas que faz toda a diferença e tem a sua utilidade e, quem vê vídeos no youtube de raparigas do UK ou do USA, já deve ter ouvido falar nisto de certeza!. 1- Para este DIY só vão precisar de uma moldura do tamanho que preferirem (AKI) e papel com padrão (De Borla). 2- Para começar basta tirar o suporte da moldura, eu aproveitei não só o vidro, como também aquela espécie de moldura de papel, acreditem que aquele bocado de papel, faz a diferença! 3- Depois basta medirem o papel que vocês escolheram. Eu tive a sorte de a largura ser perfeita e o papel apenas ser um pouco grande quanto ao comprimento. 4- Voltam a meter o suporte na moldura e viram-na. 5- E agora têm um tabuleiro que pode ser apenas enfeitar, como também podem meter nele aquelas pequenas coisas que vocês se esquecem sempre de levar antes de sair de casa.


E pronto, este são os DIY's que eu fiz para decorar o meu quarto para a Primavera. Sei que não são nada de especial, mas eu gosto mesmo muito deles. Agora, deixem um comentário a dizer qual dos dois vocês mais gostaram e se vão experimentar a fazê-los!
Até à próxima!